O conceito do “novo normal” antecipa mudanças na revenda de combustíveis. E são os clientes que estão exigindo novas formas de atendimento.

Desde a greve dos caminheiros em 2018 o setor de revenda de combustíveis está passando por grandes transformações que estão sendo discutidas no âmbito político com a mudança de regulamentações como a verticalização, tributações, venda direta de etanol, autoatendimento entre outras mudanças estruturais que prometem chacoalhar o mercado.

Porém, em apenas 60 dias estamos percebendo que o Covid-19 está alterando radicalmente a vida em sociedade, os relacionamentos e as formas de consumir produtos e serviços. E já podemos sentir as mudanças no dia-a-dia das operações nos postos e lojas de conveniência. 

os clientes esperam muito mais dos postos de combustíveis do somente preços baixos e banheiros limpos.

O consumidor pós covid-19 está digitalizado e busca estações de serviços que ofereçam segurança, qualidade e que resolvam suas necessidades através de canais digitais que agilizem a operação de abastecimento na pista e o Delivery nas lojas de conveniência.

O novo consumidor quer ser reconhecido e recompensado pela sua fidelização ao posto, sentir-se seguro durante sua visita ao estabelecimento ( sem correr o risco de contaminação ) além de perceber que o revendedor está oferecendo condições de segurança para sua equipe e colaborando com a sua comunidade. 

Novas formas de relacionamento

Em um curto espaço de tempo não existirá mais espaço para operações analógicas que não façam venda ou atendimento por whatsapp e entregas de produtos na casa dos clientes.

A experiência de compra nas lojas de conveniências também passam por um novo escrutínio dos clientes. Pontos de vendas escuros, sujos, fedidos e sem circulação de ar perderam espaço e consumidores. Os “novos clientes” esperam lojas de conveniência arejadas, iluminadas e com a wi-fi a disposição. Quanto mais sentirem-se seguro maior será será o consumo ( que poderá se estender por tele-entrega ) através do um pedido por whatsapp.

+++ Leia também : Estratégia de Marketing Digital para Posto de Combustível e Loja de Conveniência. Parte 1

Veja algumas dicas que sinalizam que os “novos clientes” esperam encontrar na sua próxima visita ao seu posto e loja de conveniência.

1. Mais Circulação e Limpeza da Loja e Banheiros

A higiene da operação nunca ficou tão em evidência como agora. Álcool gel, uso de máscaras, banheiros limpos, aumento do espaço de circulação, boa iluminação, distanciamento com marcações no solo e, principalmente, a proibição de aglomerações no posto tipo “pancadão e esquenta”. Embora esses eventos sejam uma forma de aumentar as vendas de bebidas na loja de conveniência o risco de sofrer o fechamento do estabelecimento e passar uma imagem negativa para a comunidade pode não valer a pena.

Veja o vídeo de prevenção do Corona Vírus produzido pela Brasil Postos e Soluções Rocha e Sinerfood.

2. Lavação Automotiva com Sanitizante

A lavagem de carros com sanitizante é uma tendência que veio para ficar e pode ser um diferencial para o incremento da venda de serviços automotivos. Essa ação sinaliza para os clientes que o revendedor preocupa-se com a sua saúde e servirá como estratégia de vendas para atrair frotistas, taxistas, motoristas de aplicativos e motoristas preocupados com a saúde de sua família.

Os serviços que mais têm atraído o interesse são aqueles que prometem exterminar micro-organismos como bactérias, fungos, ácaros e até vírus do interior do carro. Divulgue esse serviço através de lonas de teto, galhardetes na pista e, principalmente, pelas REDES SOCIAIS.

3. Qualificação Online de Funcionários traz bons resultados

Desde a entrada do Covid-19 houve uma movimentação muito grande no mercado de trabalho. Infelizmente milhares de trabalhadores estão sendo desligados e isso pode ser um ponto positivo na futuras contratações em postos e lojas de conveniência.

Durante muito tempo os revendedores contentaram-se se a contratar profissionais que não foram absorvidos pelo mercado de trabalho e tornaram-se frentistas pois foi o “único emprego coisa que acharam“. Agora esse cenário se inverte e os gestores podem melhorar muito o perfil de suas novas contratações. Porém, com funcionários mais qualificados e exigência também aumenta, ou seja, o revendedor deverá investir na formação desse profissional oferecendo capacitação e um plano de carreira para esse colaborador que precisa sentir-se motivado e engajado.

Nesse novo cenário ficou evidente que o ENSINO A DISTÂNCIA veio para ficar.

Basta ver como nossas crianças se adaptaram quase que imediatamente a ferramentas como o Google Classroom e o ZOOM .

Capacitar seus funcionários com cursos online que vão desde a qualificação do frentista, passando pelos cursos obrigatórios de NR 20 e NR 9 até a preparação completa do gestor do posto ficou muito mais acessível e será condição para retenção de colaboradores e melhoria na operação e atendimento.

Os frentistas também devem estar preparados para oferecer um atendimento profissional e estar equipado com todos os itens de segurança.

Veja vídeo que orienta o atendimento na pista com segurança 

4. Pagamento por aproximação deve virar tendência

No início do mês de março, a Organização Mundial da Saúde (OMS) liberou uma recomendação para que as pessoas reduzissem a utilização de dinheiro físico e passassem a utilizar pagamentos por aproximação. A recomendação foi baseada no fato de que cédulas e moedas circulam livremente pelas mãos de diversas pessoas, que podem, ou não, terem tido contato com o novo coronavírus.

O posto deve oferecer para seus clientes a possibilidade de tocar o mínimo possível em objetos compartilhados como as máquinas de pagamento, por exemplo. 

Veja a solução de pagamento por aproximação do Sistema Webposto

5. Serviços Automotivos e Troca de Óleo Programada

As pessoas não vão mais sair de casa para ficar esperando o atendimento pois, além de perda de tempo, isso gera aglomeração aumento os riscos de contágio. Ofereça a possibilidade de agendamento por whatsapp ou direct no instagram, por exemplo e avise-os quando estiver na hora da próxima troca (de acordo com a frequência média) ou quando houver promoções que podem ser oferecidas em dias de pouco movimento.

6. Varejo de Proximidade, Serviços de Delivery e Drive Thru para Loja de Conveniência 

Especializar-se na venda de outros produtos e serviços também é uma tendência do mercado. O conceito “ mercado de proximidade” amplia o leque de oportunidades de vendas nos postos, reunindo no local farmácias, padarias, barbearias, chaveiros, lavanderias, salão de beleza, petshops e lojas de costura, por exemplo. Lembrem-se que seu estabelecimento está localizado nas melhores esquinas e pontos comerciais da cidade e aproveite para monetizar cada m2 do seu negócio. O mesmo vale para os postos de estrada. 

Este é o momento para os revendedores posicionarem seus negócios como canal mais próximo da comunidade, que consegue entregar de forma rápida e está presente no dia a dia das pessoas. Pessoas do bairro estão preferindo consumir na loja de conveniência, onde conseguem encontrar produtos variados em um só lugar. Converse com seus clientes, descubra suas necessidades e reveja o mix de produtos que estão sendo oferecidos.

7. Marketing e Relacionamento Digital e por Redes Sociais 

Finalmente os revendedores de combustíveis estão entendendo que é hora de relacionar-se com a sua base de cliente e nada melhor do que as redes sociais e conteúdos relevantes em seus sites e blogs para ter um relacionamento saudável.

Nessas horas é importante priorizar o relacionamento com conteúdos úteis para o seu público. Evite usar seus contatos apenas para vender seus produtos e serviços.

8. Atendimento e Venda por WhatsApp 

100 milhões de brasileiros usam o WhatsApp mensalmente, sendo que 20 milhões deles participam de ao menos 5 grupos nesse aplicativo. A popularidade do WhatsApp se deve muito à sua simplicidade de uso e às atualizações constantes de funcionalidades. É claro que uma ferramenta poderosa e engajadora como essa não pode deixar de fazer parte de seus canais de atendimento ao cliente. Comece a cadastrar seus clientes e monte listas de transmissão que permitirão um relacionamento direto, online e sem custos.

 

9. Aprendizado Contínuo e em novos formatos para o Revendedor 

Por décadas os revendedores acreditaram que entendiam tudo sobre o seu negócio e que os frentistas eram os únicos que precisavam de treinamento.

Como o “NOVO NORMAL DA REVENDA” ouve uma enxurrada de LIVES, WEBNÁRIOS, MENTORIAS, CURSOS ONLINE E REUNIÕES PELO ZOOM  e ficou muito claro que o novo cenário exige um revendedor protagonista e responsável pelo seu aprendizado.

A Academia Brasil Postos oferece vários formatos de aprendizado contínuo que vai desde cursos presenciais e mentorias online até imersões de 5 dias para que os revendedores e suas equipes antecipem a transformação do aprendizado. O conceito de keep learning    ( continue aprendendo ) nunca esteve tão em alta para todos os profissionais que estão a frente das operações de revenda e lojas de conveniência.

10. Venda Pré Paga de Combustíveis por Aplicativos 

Muito comum em postos de combustíveis localizados em países desenvolvidos, com o uso de aplicativos de pré vendas de combustíveis, é possível agilizar o abastecimento realizando algumas operações diretamente pelo  smartphone, diminuindo o tempo de atendimento e de espera no posto, além de usufruir de descontos especiais já no abastecimento.

Essa é uma ferramenta que já é realidade e vai transformar a forma de comercialização de combustíveis pois transfere a operação de vendas para o próprio cliente que só irá até o posto depois de já ter comprado o combustível pelo aplicativo.

Conclusão 

De acordo com os argumentos expostos acima podemos concluir que o “NOVO NORMAL NA REVENDA DE COMBUSTÍVEIS” está chegando nos postos por exigências dos clientes que estão mais exigentes e “digitalizados”. É importante que o revendedor fique atento aos formatos de atendimento de outros segmentos como bancos, farmácias, restaurantes pois a novo consumidor começa a exigir do posto e da conveniência toda a qualidade, a tecnologia e segurança que estão revolucionando as relações de consumo. Só gasolina barata e banheiro limpos não são mais o suficiente !  

Escrito por : Renato da Silveira

+++ Estratégia de Marketing Digital para Posto de Combustível e Loja de Conveniência. Parte 1

+++ Como o Marketing de Proximidade pode ajudar a aumentar as vendas do posto e da conveniência.

+++ Webnário : Marketing e Comunicação com o cliente – Assista Agora !

+++ E-book: Comunicação e Marketing e a importância Estratégica para o Posto. Baixe gratuitamente.

+++ CURSO ONLINE :Gestão de Marketing, Vendas e Atendimento – Matricule-se

+++ Assista a Live – Conversando sobre Vendas e Marketing em Postos de Combustíveis.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here