Olá caros leitores! Para quem não acompanhou as últimas matérias, sugiro que releiam algumas edições anteriores para que entendam melhor.

Abordamos nessa edição especial as lojas de conveniência americana. Desde o aeroporto, postos de rodovia e as três maiores redes dos Estados Unidos: 7-eleven, Circle K da Couch Tard e Speedway.

Ainda fiz questão de abordar mais duas redes, que estão entre as 202 mais relevantes: Race Trac e Wawa.A Race Trac é uma rede de postos de combustível e lojas de conveniência com predominância no sul dos Estados Unidos. Ao chegar com meu mini-chef, que agora diz que também faz parte desta coluna, logo percebemos que o layout diferenciado rouba a cena. Essa belezinha de mega store conta com uma qualidade na arquitetura e fachada ímpar.

Quando falamos em sair do quadrado para evoluir o canal. esse pessoal não é de brincar e dá um show de retalhismo, tecnologia e bom gosto.

Ao entrar, fico impressionado com o tamanho do check-out no centro. Essa loja possui um hall de vão livre, que passa uma sensação de loja clean e organizada. O funcionário faceado para porta e com um belo sorriso no rosto é a cereja do bolo para encantar.

Reparo em um extenso buffet de guloseimas no meu lado direito com M’ms, Haribo, biju, caju e muitas outras delícias. Logo em seguida, incontáveis máquinas de sorvete. O famoso Swirl World, marca registrada da rede, desde sorbet, gelatto italiano e iogurte todos gourmet.

Enquanto meu mini-chef e eu preparamos nosso sorvete, lembro com carinho das minhas idas a deliciosa sorveteria Oásis na praça da igreja da matriz em São Pedro, interior de São Paulo.  Para nós da gastronomia, essa capacidade de trazer memórias, a partir da comida ofertada, é chamada de confort food. Demais, me fez sorrir!!

Logo à frente noto um belo expositor de alto giro de alimentos. Esse muda de acordo com o horários do dia, isto é, café da manhã, almoço e jantar. Os Bagels de carne suína e ovos pareciam apetitosos. Os deliciosos pedaços de pizza individual e os hambúrgueres com bacon, também. Tudo muito bem apresentado.

Logo atrás uma vitrine com toda parte de bakery com doces maravilhosos, doughnuts… tudo colado a um mundo de cafés diversos. Máquinas ultramodernas com tecnologia HD, facilitando o manuseio do auto serviço. Cafés gourmets, desde árabe, colombiano, guatemalteco etc. Incrivelmente, tudo moído na hora!

Do outro lado da loja, reparo no ice cold, a câmera fria de bebidas alcoólicas muito parecida com o Beer Cave, que vemos no Brasil. A diferença é que lotada de cervejas do mundo inteiro. Sendo o preço agressivo e o giro alto. A quantidade de alimentos no roller grill chega dar água na boca.

Sobre o slogan build the perfect dog, que em tradução livre quer dizer, prepare o cachorro quente perfeito. Não pensei duas vezes, preparei o meu.

Enquanto me delicio com o meu sanduiche de All Beef, café colombiano e, de quebra, meu sorvete Premium, entro no site da Race Trac.

Estarrecedor o quanto essas grandes redes tentam interagir com os seus clientes. Tem desde corridas filantrópicas (Race for Fox in Your Craziest Socks) com a galera em prol do instituto do ator Michael J Fox, além das mídias sociais. Lembro que o programa da 7-eleven era bem agressivo nesse sentido.

Após terminar meu belo café da manhã, sigo em direção a rede Wawa. Ao chegar vejo o pátio de abastecimento e uma área dedicada para Tesla, recarga de carros elétricos, uma realidade aqui nos Estados Unidos. Com layout diferenciado e contemporâneo a empresa ganha os seus clientes pela quantidade e diversidade de itens dentro da loja. A loja toda decorada para o dia do Valentine´s Day chama a atenção de crianças e clientes.

O extenso portfólio de bebidas nas geladeiras é surreal. O Beer Cooler proporciona uma experiência incrível com cervejas nacionais e importadas. Máquinas modernas de refrigerante com placas de HD led se encarregam de fazer a mistura do xarope na hora, criando-se um mundo de possibilidades e sabores. Uma vasta linha de bebidas geladas a base de cafeína também estão à disposição do auto serviço.

Uma ilha central garante toda a parte de fresh food, grab and go de lanches rápidos, saladas de frutas, wraps, frios individuais e muito mais. Uma outra ilha vejo o preparo de lanches e refeições quentes. A área de pick up and go, realmente me chamou atenção.

Reparo ainda que há muita tecnologia empregada nessa loja. Monitores interativos substituem a fila do caixa, dando a possibilidade de pagar, retirar e ir embora.

O aplicativo da rede permite fazer pedidos enquanto se está em casa, no trânsito, ou em qualquer outro lugar. O app checa ainda a localização e direciona para a loja mais próxima. Quando você chega para retirar seu produto, ele já está embalado e pronto para ir.  O conceito de conveniência e tecnologia é incrível. É de cair o queixo!

Estou impressionado com essas últimas duas lojas e chego à conclusão que, infelizmente, estamos muito distantes da realidade do que é o canal de lojas de conveniência nos EUA. A carência de food service, indústrias de bebidas, balas e de todos os outros produtos ofertados dentro de uma loja são gritantes. As esferas da burocracia, que amarram o nosso país, acabam sendo também um dos grandes vilões do nosso atraso.

Outro ponto é a falta de concorrência no mercado brasileiro. Poucas opções por novas bandeiras, o que contribuiu para que o segmento esteja ultrapassado.

Vejo uma grande movimentação no país por parte da novos fornecedores de reconstruir o canal e tentar chegar a algo mais competitivo e que condiz com a real necessidade que o mercado de conveniência necessita.

Tive o prazer de ler uma matéria escrita por Elias Rogério da Silva CEO da Diebold Nixdorf Brasil, publicada no site da Brasil Postos, e concordo em grau, número e gênero, quando ele aborda o perfil do novo consumidor e como vamos ter trabalhar daqui para frente.

Deixo um alerta: teremos que rebolar cada vez mais para conquistar um espaço ao Sol em um mundo tão dinâmico e inovador. E não pense você, pequeno comerciante, que só você precisa entrar no jogo; os gigantes também terão que rebolar, pois a forma como as pessoas se alimentam mudou.

Conheço muitas mães, que só compram frango orgânico para seus filhos, assim como minha filha de 15 anos protesta sobre o food vegano, dentro de casa. Além disso tudo acontecendo, o mundo grita por um ambiente mais sustentável e o ser humano terá que reinventar muitas coisas que eram comuns na década de 80 e não somente o food.

Grandes indústrias estreitam parcerias com empresas hand craft, tentando garantir seu faturamento para os próximos anos, e esforçam-se para serem vistas desta forma.

Torço para que o canal evolua e que grandes marcas tragam cada vez mais novidades para o nosso mercado.

E para finalizar esta bela viagem faço minha última parada para jantar no Shake Shack, lanchonete gourmet em alta nos Estados Unidos, o meu favorito é o The Shake Stack dois hambúrgueres bovinos com um de cogumelos empanados com tomate, alface e molho Shack.

Gostaria de agradecer a todos, que participaram e me ajudaram a formar esse conjunto de matérias. Em especial a minha família, que se propuseram a parar em cada posto, loja e restaurante solicitado.

Obviamente, quando você estiver em Orlando, não deixe de visitar os melhores parques temáticos do mundo, pois aqui é a terra do nosso querido amigo de orelhas Mickey Mouse.

Ainda fico mais três dias na terra do tio Sam, em Miami, e depois parto para São Paulo. Não deixem de conferir o Frost Science Museum, La Perrada de Edgar e o bairro Wynwood, onde você verá toda a criatividade artística expressadas em paredes pintadas e diversos foodtruck. Um tríplice fraternal abraço do Chef Borba

Se você se interessa por informações do segmento de loja de conveniência acesse a Categoria Loja de Conveniência do Blog Brasil Postos.

+++ Dicas para ajudar aos novos empreendedores do segmento de conveniência

+++ A Loja de Conveniência e as Perspectivas para 2020

+++ O futuro das lojas de conveniência está na gastronomia

+++ Lojas de Conveniência à Beira-Mar – Veja as oportunidades!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here