Gestao_Financeira_Postos

Capital de Giro em Posto de combustível é equiparado ao cilindro de oxigênio de um mergulhador, se acabar você está quase morto.

E faz total sentido, pois um posto sem capital para girar a operação é o mesmo que um mergulhador ficar sem oxigênio no fundo do mar. Somente com muita sorte e ações sob medidas e calculadas poderão salvá-los. Nesse artigo vou apresentar cinco ações para ajustar rapidamente o capital de giro.

Identificar o Valor e Necessidade do Capital de Giro no Posto

A principal frase que representa a gestão dentro de um posto de combustível ou qualquer outra empresa é: “se não se pode medir, não se pode gerenciar”. A frase mais perfeita para assombrar os proprietários de posto de combustíveis.

É comum conversar com alguns empresários que declaram não saber ao certo a necessidade ou qual o capital de giro necessário para operar o posto no mês.

A primeira ação para colocar em prática o plano de ação de 30 dias, requer como primeiro ato a identificação do valor necessário para compor um capital de giro que proporcione tranquilidade no dia a dia.

Verifique os prazos de compra e recebimento e calcule esse giro necessário, você pode estar com dinheiro parado (excedente ao capital) ou identificar a falta que tem proporcionado desencaixe do fluxo de caixa no dia a dia.

imagem destaque curso gestão financeira2Revisar o Processo de Precificação

Muito comum o empresário vender muito durante o mês, porém ao final do período ou não tem lucro para retirar ou ainda falta recursos para manter o giro do posto de maneira consistente.

O fato é que o processo de precificação pode interferir relevantemente essa margem de valores que sustentam o capital de giro.

O efeito é claro na situação da redução de preço no combustível. Quanto menor o preço, menor a “margem”, aí vem a ilusão que está vendendo mais e terá mais lucro, porém não analisa que o preço está comprometendo o resultado do posto e como efeito colateral, exige-se ainda mais “recursos” para comprar produtos aumentando a necessidade de capital de giro.

A segunda ação é revisar o processo de precificação. Levantar as despesas fixas e margem de contribuição prevista para o mês é fundamental.

Procure trabalhar na qualidade da venda e não na quantidade, pois você pode estar criando problemas próprios com capital de giro.

Identificar Possíveis Despesas Desnecessárias

Uma grande parcela de empresários dos postos não controla suas despesas, passando ano a ano com as mesmas despesas consideradas padrões, porém essas despesas podem estar comprometendo a margem de contribuição.

Esse aspecto poderá ser mantido por longo tempo, sendo apenas identificado no início dos problemas financeiros, e nesse caso, como já se diz o ditado: “Inês é Morta”

Terceira ação e desafio é identificar despesas desnecessárias que o posto não depende da contratação das mesmas para manter suas atividades.

Desencalhar Produtos sem Movimentação e Evitar Desperdícios

Quanto capital empregado pode existir no posto? Já vi de tudo nessa estrada, produtos, filtros, materiais fora de linha e até diesel em tanques parados a meses. Evitar desperdícios é um grande componente para manter o giro do posto saudável.

Não desembolsar antecipadamente produtos que não geram expectativa de rápidas saídas, ou seja, que não tenham liquidez, podem comprometer o capital e faltar na hora de comprar o combustível.

Portanto, a quarta ação é comprar apenas o necessário para um período de curto prazo e paralelamente, levantar capital com a venda dos produtos encalhados, seja para clientes ou lojas ou oficinas que pode aproveitar os componentes e assim desencalhar boa parte do seu estoque, monetizando a operação e recuperando folego no capital disponível.

Plano de Retirada de Lucros e Pró Labore – E por fim, o mais temeroso ato existente nas finanças dos postos, que é a retirada dos sócios, muitas vezes maior que o permitido pela capacidade financeira naquele momento.

Melhorando a prática de retirada e tendo consciência, acredito que em até três meses seja possível você recuperar razoavelmente o poder aquisitivo do capital do posto. Chega a ser assustador situações que já presenciei na gestão financeira de alguns postos.

Nesse passo, a ação é identificar a real necessidade de retirada e reduzir ao máximo a prática da mesma, mantendo a integridade do capital de giro e você se educando financeiramente.

Esses são os TOP 5 Passos e ações para rapidamente restabelecer o capital de giro, faça um teste você mesmo e apure esse resultado. Depois de 30 dias aplicando, nos conta qual foi o resultado. A propósito, se mesmo assim você ainda tiver dificuldades em colocar o capital de giro em dia. Recomendo fortemente você participar do curso online: Gestão Financeira em Posto de Combustível.

Até breve.

banner colunista carlos

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here