banner descrição_gestão de loja de conveniência

No Brasil, segundo dados do Sindicom do ano de 2017, existiam somente 7.655 lojas de conveniência em postos de combustíveis, número esse que equivale a 18% do total de postos existentes no país. Destas lojas, 4.507 (58%) são franquias AmPm, Shell Select ou BR Mania, que dividem as opiniões dos proprietários de postos, sendo que muitos gostam do modelo das lojas, mix de produtos e suporte oferecido, porém poucos percebem o valor do serviço recebido quando comparado ao dos royalties pagos mensalmente.

O que você pensa sobre o assunto?

Vale a pena o investimento para ter a diferenciação de uma marca consolidada no mercado?

Os serviços/consultorias que você recebe na prática do dia a dia são suficientes para lhe auxiliar a ter uma loja de sucesso?

O que você espera receber da franqueadora ao contratar uma franquia?

Qual sua experiência quanto a “expectativa x realidade”? (Se possível, responda alguma(s) das perguntas nos comentários)

Sei que este assunto gera polêmica e muitos debates, mas são através deles que podemos aprender e nos desenvolver. A partir de hoje estarei periodicamente aqui no Blog Brasil Postos, para falarmos sobre lojas de conveniência, buscando auxiliar com informações e provocações, para juntos criarmos um conteúdo que possa auxiliar todo revendedor a organizar sua loja, alavancar suas vendas e melhorar seus resultados, através de conteúdo simples, prático e de fácil aplicação na operação da loja.

Sobre o que vamos falar?

Quando o assunto é loja de conveniência, conteúdo é o que não falta, buscarei trazer assuntos que possam auxiliar tanto aqueles que já possuem a sua loja e buscam aperfeiçoa-la, como aqueles que estão buscando estruturar a sua loja, aumentando a margem do seu negócio. Alguns tópicos gerais:

  • Estratégias para melhorar resultados – Vamos falar sobre quais estratégias mais assertivas dentro de uma loja de conveniência, como criar, desenvolver e colocar em ação.
  • Margem x Markup – Vamos diferenciar estes dois conceitos e falar sobre como eles são importantes nas estratégias de seu negócio e nas diferentes categorias de produtos da loja.
  • Indicadores da loja – Vamos falar sobre diferentes indicadores que precisam ser acompanhados no dia a dia da loja e como eles podem mostrar se estamos no caminho certo.
  • Vendas, metas e objetivos – Uma loja sem um vendedor, deixa de faturar muito, todos os dias. Um vendedor sem metas e objetivos não tem a mesma motivação para trabalhar e gerar resultados. Vamos falar bastante sobre este assunto, que é um dos grandes fatores que diferenciam o resultado das lojas.
  • Principais categorias de venda – Vamos falar sobre as principais categorias que uma loja de conveniência precisa ter, qual a importância de cada uma e por que mesmo produtos de baixa margem podem ser grandes propulsores de faturamento e margem.
  • Assuntos diversos – Curiosidades, tendências, experiências e principalmente assuntos sugeridos pelos leitores.

Um pouco da minha experiência – Sou formado em Administração de Empresas e MBA de Marketing com ênfase em vendas (FGV).  Meu primeiro emprego foi colando anúncios de emprego em postes pela cidade de Passo Fundo. O segundo foi vendendo doces de porta em porta em prédios comerciais seguido de uma rápida experiência no Mcdonalds fazendo os lanches, todas estas ainda com 18 anos. Depois passei por vários tipos de experiências, onde destaco como principais: três anos na mesa de operações da XP Investimentos, que me trouxe amplo aprendizado sobre “Risco x Retorno” e também na área de finanças; dois anos como empreendedor de uma empresa de software para cálculo automatizado de imposto de renda para investimentos em bolsa de valores(CALC1), o que resultou em aprendizados sobre negócios, pessoas, sociedade e marketing.

Iniciei minha caminhada no ramo dos postos de combustíveis na empresa Ipiranga na qual trabalhei seis anos. Destes três dedicados as conveniências, atuando nos mercados do RS e SC, que me proporcionaram a oportunidade de ver na prática lojas de sucesso em cidades dos mais diversos perfis e tamanhos, além de aprender muito com os revendedores sobre alguns fatores de sucesso.

No último ano trabalhei no desenvolvimento de um novo modelo de loja de conveniência dentro da Rodoil Distribuidora de Combustíveis, experiência esta que me proporcionou aprofundar conhecimentos sobre a forma de atuação dos principais fornecedores deste mercado. Hoje estou coordenando o setor de inteligência de mercado na Rodoil, que também abrange a área de marketing e das lojas de conveniência.

O novo colunista do  Blog Brasil Postos Tiago Secco passa a escrever semanalmente sobre temas relacionados ao negócio Loja de Conveniência. Desejamos muito sucesso para você Tiago!

Contatos: LINKED IN –  https://www.linkedin.com/in/tsecco/

Banner_Consultor (1)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here