Decisão da Superintendência-Geral libera negócio entre Petrobras e grupo Cosan, mas ainda pode ser questionada

A Superintendência-Geral (SG) do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou a compra, sem restrições, do controle da Gaspetro pela Compass, subsidiária do grupo Cosan. A decisão foi publicada nesta terça (8/3).

Diversos elos da cadeia de gás natural se manifestaram contra o negócio e podem recorrer da decisão. O tribunal do órgão de defesa da concorrência também pode determinar que o caso precise passar pelo aval dos conselheiros.

Sem recursos ou sem essa decisão do colegiado de levar para si a decisão, o negócio estará definitivamente aprovado em 15 dias.

Há também o direito de estados de exercer a preferência na compra de participações de distribuidoras com presença da Gaspetro. Ao menos quatro já indicaram esse interesse.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here